HOTWORDS

Arquivo do blog

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Science Planet. Tecnologia do Blogger.

Fashion

Technology

Fashion

Archive

Editors Picks

Follow us

Coronel da Força Aérea (EUA) fala sobre envolvimento de extraterrestres com a Apolo 13



Desde que tornamos realidade nosso sonho de viajar para a Lua, tem existido muito controversa. Alguns acreditam que a maioria das filmagens dos pousos lunares foram falsificadas, e outros acreditam que nunca fomos até lá, apesar das inúmeras evidências mostrando que fomos.  Mas aqui está aparte complicada – algumas das filmagens de várias missões Apolo foram mesmo forjadas ou mesmo “refeitas”. Muitas pessoas com acesso à informação têm também acusado a NASA de fazer coisas assim, mas, com base na informação que temos de fontes como estas e muitas outras, parece que o problema não é que não fomos até a Lua, mas sim aquilo que encontramos – e escondemos do público – quando fomos até lá.

Na verdade, o governo da Rússia acusou os Estados Unidos de esconder filmagens. Pessoas que trabalham para a agência, como Norman Bergrun, que trabalhou para a NASA por mais de uma década, ou Bob Dean, um subtenente do Comando do Exército dos Estados Unidos, que também serviu na Supreme Headquarters Allied Powers Europe (SHAPE) da OTAN como analista de inteligência, são alguns dos muitos.
Senhoras e senhores, meu governo, a NASA, que muitos de nós nos Estados Unidos dizem que a sigla significa Never A Straight Answer (que pode ser traduzido como Nunca Uma Resposta Clara), apagou 40 rolos de filme do Programa Apolo – o voo para a Lua, o voo ao redor da Lua, o pouso na Lua, os caras caminhando aqui e ali. Ele apagaram, pelo amor de Cristo, 40 rolos de filme daqueles eventos.  Agora estamos falando em vários milhares de quadros individuais que foram tomados e que as assim chamadas autoridades determinaram que você não tem o direito de ver. Ah, eles foram ‘destruidores’, ‘socialmente inaceitáveis’, ‘politicamente inaceitáveis’. Eu fico furioso. Sou um Subtenente de Comando aposentado. Nunca fui famoso por ter muita paciência. – Bob Dean (Fonte)
O que exatamente está na Lua permanece sendo um mistério para muitos. Por exemplo, o Dr. John Brandenburg, que também foi Vice-Gerente da Missão Clementine para a Lua (Fonte: pg. 16 de 18), e que fez parte de um projeto espacial em conjunto com a Organização de Defesa de Mísseis Balísticos (sigla BMDO em inglês) e a NASA, indo procurar por água nos polos da Lua em 1994, delatou e revelou que aquilo era na verdade uma missão de foto reconhecimento para checar as estruturas no lado oculto da Lua – estruturas que foram colocadas lá por alguém mais.
Brandenburg também trabalhou para o governo com acessos de segurança às informações ultra secretas em vários projetos. Ele trabalhou nas Interações da Fumaça de Foguete nos Regolitos da Lua e Marte, a teoria do Vórtice de projetos de foguetes, e a teoria combinada Sakharov-Kaluza-Klen de Campo de Unificação para propósitos de propulsão espacial e ciência de Marte.  Ele também inventou o empuxo de plasma Eletro-Termico de Microondas, usando propelente de água para propulsão.
Como você pode ver, estes são somente algumas das muitas pessoas com alta credibilidade tentando alertar o mundo de que algo estranho está acontecendo.
Coronel Ross Dedrickson
Logo após eu me aposentar da Força Aérea, e eu ainda estava mantendo contato com amigos e associados em várias bases, e o Coronel Parker no Comando da Defesa Aérea, o Comando Espacial… mencionou um incidente que mais tarde confirmei. Uma nave apareceu para resgatar a Apolo 13, e eles acompanharam a Apolo 13 em sua viagem ao redor da Lua e de volta para a Terra, e em duas ocasiões ele pensaram que poderiam transferir a tripulação para sua nave. Mas eles cuidaram deles até retornarem em segurança para a Terra.
A citação acima vem do Coronel Ross Dedrickson, que, na década de 1950, foi responsável por manter o estoque de armamentos nucleares para a AEC e acompanhar as equipes de segurança que monitoravam os armamento, entre muitas outras tarefas durante sua carreira.
Ele é mais um das centenas de militares delatores com histórico verificado a se manifestarem no Disclosure Project, do Dr. Steven Greer.  Seu testemunho sobre os OVNIs – especificamente sobre os OVNIs e os armamentos nucleares – podem ser corroborados por uma gama de informações e evidência que agora estão disponíveis ao domínio público. Muitos dos delatores fizeram várias apresentações no National Press Club, numa tentativa de revelar esta informação para o mundo, com o exemplo mais recente sendo a Audiência de Cidadão para o Desacobertamento, que ocorreu há poucos anos…
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Total de visualizações

Postagens em Destaque